NEW YORK FASHION TOUR

Fundado e conduzido pelas brasileiras Marcia Crivorot e Silvia Scigliano, o curso de uma semana prepara e atualiza os interessados para o ambiente profissional da moda, em seus diversos ângulos: Fashion, Image, Trends e Business. É um programa de experiências de moda que acontece paralelamente à NY Fashion Week, em uma imersão de uma semana unindo teoria e prática no distrito de Manhattan, na cidade de Nova Iorque.

O CURSO

TIPOS DE TENDÊNCIAS

Um dos assuntos que mais me chamou a atenção foi o de tipos de influências. Vivemos hoje o processo automático See Now, Buy Now. Vemos, queremos, já temos referência de onde encontrar e às vezes realizamos a vontade no mesmo dia, no mundo físico ou digital por e-commerces. E é interessante entender como funciona o processo do “See Now”.

• “Early Adopters”: tem contato com esses inovadores e transformam ideias para a realidade.
Lembro muito de quando difundi o Ceviche e o Gelatto em São Paulo alguns anos atrás.
Os ceviches já existiam, mas a massa ainda não tinha conhecimento sobre o que eram e onde encontrar. Voltei do Peru procurando pelo Ceviche, cerca de oito anos atrás, e os primeiros leitores começaram a me enviar fotos dizendo que também o acharam e adoraram/viraram fãs da iguaria. Tive a fase de comer 3x por semana em uma cevicheria e ficar mais presente ainda nos conteúdos. O mesmo aconteceu com o Gelatto, que ainda era confundido com sorvete.

• “Trendsetters” ou “Tastemakers”: influenciadores que difundem as tendências.
Essa parte é a mais forte do blog! Tendências de moda e beleza são diariamente testadas nas minhas redes sociais e – as melhores, aprovadas – postadas aqui. Sejam comprimentos, modelagens, aviamentos, acessórios, cores ou novas peças/releituras de antigas tendências… ou até mesmo desenhos e prints de unhas. Quantas dezenas já tivemos por aqui?
Ou então o desafio de quando virei embaixadora da IncaKola aqui no Brasil. Refrigerante doooce, também peruano, que assustava com sua cor amarela neon e só precisava das sugestões certas de harmonizações apimentadas pra fazer sentido e cair na graça de todos.

• Massa: quem aplica.

E assim somos, cada vez mais phygitalmente (physical + digital). Sempre algum artista lança a tendência e precisa dos Early Adopters, Trendssetters para, por fim, chegar à massa.

Essa primeira parte do conteúdo do curso realmente me interessa muito, e é só uma leve introdução. Marcia e Silvia entram a fundo no tema de comportamento da sociedade desde a Idade Média, sempre unindo as informações mais importantes de moda, imagem, negócios e tendências. Dando grandes exemplos, histórias de grandes empresas como Amazon.

 

DE ONDE VEM AS TENDÊNCIAS

Vocês já ouviram falar sobre os tipos de tendência? Trickle Up, Trickle Down, Trickle Across? Sabe o que é Zeitgeist? Sabe quais foram as principais trends de cada década e como elas se aplicam hoje em dia em grifes famosas como Prada e Dolce Gabbana? Sabe de onde vem a tendência neon que temos presente agora em 2019 e de que fase da história mundial fez parte? Você sabe como uma empresa tem que se comportar hoje para fidelizar os diferentes tipos de faixas etárias consumidoras e o que elas esperam de você?

Eu indico fortemente esse curso para quem trabalha ou quer trabalhar na área, para quem tem algum contato profissional com a moda ou para quem simplesmente tem paixão por ela. Até podemos fazer uma pesquisa na internet e através de livros sobre todos esses itens, mas demoraria semanas pra juntarmos as informações mais fiéis. Sem contar a experiência da Márcia e da Silvia, suas observações no mercado tanto brasileiro, como americano e global.
Pessoas importantíssimas para o mundo dos negócios e da moda de seus networks participam do curso com palestras e até treinamento, como uma das pioneiras em blogs no Brasil Consuelo Blocker e a fotógrafa Andrea D’Andrea.

TRABALHANDO NO BACKSTAGE DOS DESFILES DA NYFW

E a cereja do bolo, uma das maiores experiências de moda que já tive: passamos por um treinamento para trabalhar como Dressers no backstage de desfiles.
No mesmo dia que assisti a um desfile de moda da New York Fashion Week, trabalhei no backstage da marca Elie Tahari. Por coincidência os dois eventos caíram no mesmo dia, oficializando como o mais especial da viagem.

Algumas curiosidades sobre as regras pra trabalhar no backstage:
– As dressers só podem usar esmaltes claros (e unhas curtas) e maquiagem leve, para não esbarrar e estragar as peças a serem desfiladas.
– Roupas pretas. Facilita na hora da equipe e modelos identificarem as dressers para pedir ajuda.
– Não pode fotografar e nem filmar. É um ambiente espontâneo e muito agitado. Há muitas modelos se trocando e não tem graça alguma vazar imagens dos looks na internet antes de serem desfilados nas passarelas.
– Não pode fazer ligações ou usar o celular no backstage. Foco nas modelos! E também evita as proibidas fotos e vídeos.

 

AGENDA

E a agenda do curso se estendeu com experiências importantíssimas:
• Tour de arte, conhecendo a Petzel Galery
Private Apple
• Tour por lojas importantes da cidade
• Talking com Silvia D’Avila (fundadora e designer da Flying Solo), Juliana Mansur (Undertop) e Jorge Grimberg
• Exercícios de fotografia
• DIY
• Visita ao Museu do FIT – Fashion Institute of Technology

O curso acontece durante as semanas de moda em Manhattan, Fevereiro e Setembro.
Vocês podem conhecer mais pelos links:

Website: https://crivorotscigliano.com/ny-fashion-tour/
Instagram: www.instagram.com/crivorotscigliano
E tirar dúvidas pelo email: contato@crivorotscigliano.com

Silvia Scigliano e Marcia Crivorot

XOXO,
Laura K.